Queima-gorduras sem efedrina

Existem no mercado suplementos queima-gorduras que anunciam possuir os benefícios da efedrina sem os efeitos secundários da mesma. Os ingredientes mais comuns são o extrato de laranja-azeda (citrus aurantium), o extrato de chá verde e o extrato de boldo-de-jardim (coleus forskohlii).

O extrato de laranja-azeda possui o composto sinefrina que é semelhante à efedrina. Segundo os fabricantes este também acelera o metabolismo, queima mais gordura e reduz o apetite. Contudo, este composto é muito mais fraco que a efedrina e, segundo os estudos científicos, não está provado que aumente a queima de gordura.

O extrato de chá verde possui polifenóis (catequinas) e flavonóis, sendo que os extratos de chá verde mais comercializados costumam conter a catequina EGCG que se trata de um antioxidante 25 a 100 vezes mais forte que as vitaminas C e E. O extrato de chá verde é geralmente utilizado nos suplementos queima-gorduras/termogénicos, pois verificou-se que aumenta a queima diária de calorias. Porém esse aumento é de apenas 80 calorias por dia quando são tomadas doses de 125mg a 500mg.

Quanto ao extrato de boldo-de-jardim, este é rico em adenil ciclase e segundo os fabricantes este acaba por levar a uma diminuição das reservas de gordura. No entanto, não existem estudos científicos que comprovem este benefício.

Efeitos secundários

Por norma os suplementos queima-gorduras sem efedrina costumam ser seguros, contudo se tomar doses elevadas pode resultar em efeitos secundários. O extrato de laranja-azeda pode aumentar a pressão arterial e o chá verde, como contém cafeína, pode apresentar os efeitos secundários da mesma.

Promoção da semana!